06/JAN

De onde vem a ideia da estampa?

Escher foi um artista holandês que viveu no século XX. Trabalhava com gráfica e fazia também gravuras de vários tipos (litogravura=pedra; xilogravura=madeira). Seu trabalho mostra um excelente conhecimento da matemática, da geometria, e tem tons brancos, pretos ou cinza. Há em suas obras a clara visão de paisagens ou cenas impossíveis, repetições de padrões e desenhos que pela variação apenas das cores nos trazem uma sensação surreal, enfim, um gênio a serviço da arte.

Certa vez viajou à Espanha e visitou o Castelo de Alhambra, obra histórica e artística dos mouros. Nesse local, Escher encantou-se com os mosaicos e azulejos de técnica da arte árabe, e incluiu esses padrões em seus trabalhos, como podemos observar aqui nas fotos.

 

eliana 9

Dou destaque a esta arte, por ver nessa almofada azul com cubos, um padrão do que chamamos em arte de “trompe l’oueil”, ou seja , “engana olho”. Os cubos parecem ter duas ou mais dimensões, assim como as figuras do maravilhoso Escher. Apreciem. Além de bonito, é intrigante. Ilusão de ótica.

 

eliana 8

Eliana Miranzi, professora de línguas e história da arte.


Comentários

Relacionados