28/NOV

6 dicas que você nunca leu sobre decorar um espaço pequeno

Uma lista divertida, com sugestões práticas, para você acertar na decoração de um lugar pequeno sem perder o bom humor.

 

01

1.  ENCARE A REALIDADE
Vamos começar pelo mais difícil: aceite. Isso mesmo. Aceite que o espaço é pequeno. Abra mão dos móveis muito grandes, robustos, que vieram da outra casa ou que foram doados para quebrar o galho. Embora as peças grandes tenham mais chance de serem confortáveis, elas “comem” a área útil e dificultam a circulação. Não vai rolar.

 

2. MUDE AS COISAS DE LUGAR
Um dos maiores problemas dos espaços pequenos – além de eles serem pequenos, lógico – é a monotonia que paira sobre a decoração. Busque posicionar os objetos de um jeito que você possa mudá-los de lugar de vez em quando. Quadros, fotografias pôsteres podem ficar apoiados em canaletas, o que dá a sensação de uma decoração “inacabada”, “em movimento”. Pufes mesinhas laterais, que possam andar para lá e para cá, também serão seus aliados.

 

02

3.  NÃO SOBRECARREGUE UMA ÁREA

Pode parecer contraditório, já que espaços pequenos não dão muitas opções. Mas evite concentrar tudo – a área de receber, por exemplo – em um único local. Crie pequenas áreas de convivência. Exemplo: sofá de dois lugares na sala, banquinhos na cozinha, um pufe na varanda. Quando a casa estiver cheia, ninguém vai ficar amontoado.

 

04

4. ESCONDA A BAGUNÇA COM CLASSE

O perigo da bagunça em espaços pequenos é que, de repente, a casa INTEIRA está fora de ordem. Quanto menor o espaço, mais rigoroso você deve ser com a organização. Lance mão dos nichos, caixas para miudezas, ganchos e todo tipo de instrumento pró-arrumação. Atenção à área de “despejo” da casa. Separe um local próximo da entrada –  que não seja o sofá ou a mesa de jantar – para guardar chaves, bolsas, sacolas, correspondências e eles, sempre eles, os carregadores de celular.

 

5. ESCOLHA PEÇAS VISUALMENTE LEVES

Tampos de vidro, espelhos, transparências e acrílicos são aliados dos pequenos espaços. Persianas costumam cair melhor do que cortinas de tecido, porque não produzem excessos. Deixe a luz passar pelas superfícies e o ambiente parecerá maior. O oposto – móveis pesados, escuros ou cheios de adornos – devem ficar para uma próxima casa.

 

05

6. TENHA SENSO DE HUMOR
Você mora em um espaço pequeno e isso não é a pior coisa do mundo. Saiba brincar com o improviso e, ao receber, tenha jogo de cintura. Não ter lugar para todos sentarem, não ter um jogo completo de copos e louças… Pode ter certeza: seus amigos (se realmente foram amigos) não vão reparar.

 

06

Fonte: Casa e Jardim, por Mariana Mello


Comentários

Relacionados